A Itália é um dos campos mais duros à pregação do evangelho de Jesus. Estando aqui posso perceber a dureza do coração do povo italiano. Abaixo você poderá ler algumas informações que provavelmente não imaginava se tratarem da Itália:

A perseguição aos protestantes persistiu por quase 800 anos. As últimas três décadas de liberdade religiosa tem sido encarada com indiferença. O ocultismo é generalizado, é reconhecido que existem 100.000 feiticeiros que dão consultas em tempo integral, três vezes maior o número de sacerdotes católicos. O satanismo é forte no norte, Turim é um dos maiores centros para este tipo de atividade, que inclui orar para a remoção de todos os missionários evangélicos do país. O controle das forças espirituais na Itália nunca foi totalmente expulso em 2000 anos. 

A Igreja Católica Romana poderosa por tanto tempo perdeu nove milhões de membros nesta geração. Sua influência e o número de sacerdotes diminuíram dramaticamente. Muitos italianos desprezam e ignoram a igreja, contudo suas tradições e mente formada permeiam todos os aspectos da vida nacional, e a freqüência à igreja permanece uma das mais altas da Europa. Na sua desilusão, muitos se voltaram para os pensamentos da Nova Era, para as seitas, para o oculto e as drogas. Ore para que essa cegueira espiritual seja removida. 

As infames Máfia Siciliana e a Camorra Napolitana tem se infiltrado em todos os setores da sociedade. Seu poder e influência é tal que toda tentativa legal ou judicial para domar esse monstro tem falhado. Autoridades do governo e líderes, autoridades da igreja, e mesmo o próprio Vaticano tem sido subvertidos, e as atitudes da população em geral envenenada por esse sistema maligno. Crime e extorsão são lugar comum, esta última tem uma receita anual estimada em US$23 bilhões. Este dinheiro e aquele ganho com o lucrativo comércio de drogas é usado para comprar políticos, influência e até mesmo indústrias. Ore por aqueles poucos corajosos que arriscam suas vidas para combater este sistema maligno e introduzir um sistema de governo novo e mais eficaz. Ore para que a sociedade italiana se livre desse cativeiro e seja transformada pelo poder do evangelho. 


- População: 60 milhões
- 74% de católicos, porém apenas 24% são praticantes
- Roma, a sede mundial da Igreja Católica, porém, nela está localizada também a maior mesquita da Europa
- É o país com maior influência na cultura europeia e mundial, principalmente nas artes e religião
- 22,6% entre agnósticos, ateus e sem religião, segundo pesquisa do IPSOS
- 3% de Islâmicos (2 milhões), segundo pesquisa do CESNUR
- Igreja Ortodoxa (1,7 milhão)
- 0,9% de protestantes (cerca de 700 mil)
- 430 mil de Testemunhas de Jeovás
- 100 mil bruxos trabalhado tempo integral no país
- Satanismo é forte principalmente na região de Torino
- Algumas regiões são bem marcadas pela opressão
- Norte da Itália tem os maiores índices de suicídio
- A maioria das igrejas tem cerca de 45 membros
- Existe um pastor para cada 380 mil habitantes
- Dos 8.101 municípios (comuni) apenas 5% têm um grupo de estudo, uma pequena igreja ou um testemunho evangélico
- Há apenas 20 mil batistas na Itália
- O país é um dos lugares mais difíceis para a pregação do Evangelho, considerado por muitos como o “cemitério de missionários”, pelo fato da maioria deles desistir em menos de três anos.


THE GOSPEL IN ITALY

- Population: 60 million
- 74% of Catholics, but only 24% are really practice it.
- Rome, the world headquarters of the Catholic Church, but in it is also located the largest mosque in Europe.
- It is the country with the greatest influence in European and world culture, mainly in the arts and religion.
- 22.6% between agnostics, atheists and without religion, according to IPSOS research.
- 3% of Islamists (2 million), according to CESNUR research.
- Orthodox Church (1,7 million).
- 0.9% of Protestants (about 700,000).
- 430,000 Jehovah's Witnesses.
- 100,000 wizards work full time in the country.
- Satanism is strong mainly in the region of Torino.
- Some regions are well marked by oppression
- Northern Italy has the highest rates of suicide.
- Most churches have about 45 members.
- There is one pastor for every 380 thousand inhabitants.
- Of the 8,101 municipalities (comuni) only 5% have a study group, a small church or an evangelical testimony.
- There are only 20,000 Baptists in Italy.
- The country is one of the most difficult places for the preaching of the Gospel, considered by many as the "missionary cemetery," because most of them quit in less than three years.

Pr.Fabiano e Anne Nicodemo. 

cartas pam - Pr. Fabiano e Anne Nicodemo

Realidade espiritual da Itália

Quanto a você, meu filho, fortifique-se na graça que há em Cristo Jesus. E o que você ouviu de mim na presença de muitas testemunhas, isso mesmo transmita a homens fiéis, idôneos para instruir a outros. 2 Timóteo 2:1-2

Caro fratello e sorella, saluti nell’amore di Gesù! (Querido irmão e irmã, saudações no amor de Jesus!) 

Paulo, pregou o evangelho, plantou igrejas e formou discípulos. No texto acima, ele instrui Timóteo a praticar duas ações fundamentais para a realização de um ministério eficaz: primeiro, fortificar-se no poder da graça de Jesus Cristo, sem capacitação divina para viver a vida cristã, não é possível servir em nenhum ofício pastoral ou missionário; em segundo lugar, Timóteo é desafiado à confiar o ensinamento que havia recebido do Apóstolo Paulo à outras pessoas. Quando penso na responsabilidade que tenho como seu missionário de “transmitir a homens fiéis e idôneos” o tesouro precioso do Evangelho de Jesus Cristo para que a sua vez eles mesmos possam instruir outros, eu tremo diante do Senhor e da Sua Igreja.


Nestes anos todos, servindo na Itália, o meu maior desafio tem sido formar, instruir, delegar e enviar os nacionais para me substituir. No Brasil, geralmente na maioria dos casos, quando o missionário plantador de igreja após ter estabelecido uma nova agência do Reino de Deus, pode ser substituído por um outro pastor. Este é um processo natural. Pois bem aqui na Itália, não funciona assim. Na verdade, creio que estamos bem mais próximos da realidade do Novo Testamento, ou seja, do que vemos na vida de Paulo que pregava o evangelho onde ainda não havia sido pregado, e em seguida, formava uma liderança local autóctone para assumir a liderança da igreja local no lugar do apostolo como pastores. Não sei quantos de vocês já ouviram a frase: “Não existe sucesso sem sucessor, caso contrário é um fracasso.” Quem me ensinou este princípio verdadeiro à vários anos atrás foi meu mentor e pai na fé, o missionário e plantador de Igrejas Kenneth Bruce Flurry, ao qual tenho grande estima, amor e consideração por tudo o que me ensinou quer seja em palavras e através do seu exemplo. Além disso, preciso também aqui registrar uma regra da JMM que afirma que “um missionário da JMM não é substituído por um outro missionário da JMM”. O que esta por detrás disso? Exatamente o que Paulo fez com Timóteo, Paulo formou além dele tantos outros “Timóteos” que pudessem dar prosseguimento ao ministério.


Um exemplo claro do que estou dizendo são as corridas de revezamento, onde 4 atletas correm uma parte do percurso passando adiante o bastão para o corredor seguinte. Agora, se coloque no meu lugar por um instante. Imagine que além de pregar o evangelho, plantar igrejas, você também tem a tarefa de formar italianos que possa te “substituir”. Pois bem, com a Graça de Deus, tanta oração, paciência, perseverança, fé no Senhor, Deus está realizando este sonho e necessidade para a igreja em Cesena. Na nossa corrida de revezamento italiana, Deus me deu não um, mas dois “Timóteos”, são eles Giuseppe e Aimone. Ambos italianos, Giuseppe vem de Napoli, do nosso primeiro ministério na Itália, eu o conheço desde quando tinha 8 anos de idade. À vários anos se mudou com a família de Napoli para Cesena por motivo de trabalho. Tive a bênção de realizar seu casamento com Daniela e em breve terão a bênção da chegada do primeiro filho. Ele tem servido como diácono, pregador, conselheiro e companheiro já por alguns anos. Aimone, é nascido em Cesena, filosofo formado pela universidade de Bolonha, muito inteligente e preparado. Tive a alegria de conduzi-lo ao Senhor Jesus anos atrás, de batizá-lo, abençoar o casamento com Laura e apresentar ao Senhor a bela filha Maria Antônia. Aimone, iniciou a pregar há alguns meses, além de servir no ministério com Jovens e grupos nas casas com Giuseppe. Ambos dão ótimo testemunho e possuem o reconhecimento da Igreja local de Cesena e Rimini.


Talvez esteja se perguntando como serão formados teologicamente? Qual o plano de transição? O que você tem no coração Fabiano? Do ponto de vista teológico, o curso de teologia FT - Frontline Theology em parceria com os Doutores Phil Eyester e David Schlup da missão Eagle Projects International que nos conhecemos à mais de 30 anos tem sido ouro aqui na Itália na formação de novos pastores em nossa igreja. Quanto a transição, peço suas orações. O plano que Deus tem colocado em meu coração é gradual. Ou seja: no último domingo de novembro, (após um mês de oração com a igreja local) serão apresentados: Giuseppe como “pastor local em teste” e Aimone como “diácono em teste”. Após um período de pelo menos um ano Giuseppe será examinado em concilio e se aprovado será consagrado ao ministério pastoral em Cesena; Aimone, após o primeiro ano como pastor em teste, será apresentado como pastor em teste e por sua vez após um ano de experiência, também passará por um concilio e se aprovado, assumirá o pastorado ao lado de Giuseppe da igreja de Cesena. Como diz Paulo, é necessário primeiro não ter pressa, e depois provar antes da consagração.


É bem diferente do que estamos acostumados não Brasil em muitas de nossas igrejas. Ou seja, a liderança local, é formada da “colheita espiritual”. Quando a pessoa se mostra “FDE”: fiel, disponível e ensinável se torna digno diante da igreja que a mesma lhe dê confiança e reconhecimento. Outra coisa muito, muito importante na Itália. Diferente do que muitos imaginam são poucas, realmente poucas as igrejas italianas evangélicas que tem a possibilidade de sustentar economicamente. Desta forma, seja Giuseppe e Aimone serão pastores que atuam em colegiado, mas que do ponto de vista financeiro trabalham secularmente. Desta forma, eu darei gradualmente mais espaço e responsabilidade a eles, enquanto vou me dedicar mais em Rimini. Não preciso nem dizer o quanto tudo isto é importante e quão fundamentais sãos suas orações por mim, pela família e por Giuseppe e Aimone com suas respectivas famílias, bem como a família espiritual que é a Igreja Batista em Cesena. Ore para que continuem a cada dia mais trabalhem juntos e sincronizados para o crescimento e edificação da Igreja local. Ore também, para eu possa sempre seguir o ensinamento de Efésios 4:11-16 e 2 Timoteo 2:1-2 na formação de novos líderes. A Deus toda a glória!

Você quer participar do projeto de formação de dois novos pastores para a Igreja Batista em Cesena até 2022 ? ​


Arrivederci e Dio vi benedica! Em Cristo, Família Nicodemo.
OREM POR NÓS


Adoção da família Nicodemo – Itália no site da JMM: http://bit.ly/2CRB7lq

Compartilhe os desafios que temos aqui no campo e envolva novas pessoas. 

Este é um ano especial que desde já consagramos ao Senhor! Estamos caminhando para 21 anos como seus missionários e de todas as Igrejas Batistas do Brasil por meio da JMM na Itália. A data precisa de nossa chegada em terras italianas foi em cinco de Agosto de 1998. Mas além disso continue orando e sustentando a obra de evangelização. Peça ao Senhor que nos de sempre mais e novos contatos onde poder semear a Sua Palavra. 

•    PAM ITALIA – FAMILIA NICODEMO. Para facilitar, eu criei uma ficha online para a adoção. O link é este: http://bit.ly/22ulnMs

Arrivederci e Dio vi benedica! Em Cristo, Família Nicodemo. OREM POR  NÓS!
Missionários dos Batistas brasileiros – JMM. a 20 anos na Itália. (1998-2019)

Click for English translation

Carta Pam Novembro 2019

Ouça as noticias da obra missionaria da Italia!